quinta-feira, 8 de maio de 2008

Bons Comercias Grudam



Frio, daqueles.

Coberta, cobertor, meia, duas camisetas.

Frio, daqueles.

Edredon. Gigante. Tudo zipado.

Frio, daqueles.

"Quem é..."

"É o frio..."

"Eu não deixo você entrar..."

"Esta música era de um reclame de televisão e de rádio?"

"Putz... mas tá frio."

"Ué... o edredon funcionou tão bem noutro dia. Será que está tão frio?".

O edredon, sem titubeios, respondeu. Na lata:

"Era ela".

Concordou. E voltou a sonhar.


maio.08

4 comentários:

Andréa Motta disse...

Boa noite, Amaral! Fiquei feliz por saber que "Coisas do Brasil" será a sua primeira participação em coletivas; cuidado, isto vicia! (risos, muitos risos!rsrs)

Respondendo a sua pergunta: não, você não enviará o texto pra mim; você o publicará no seu blog e eu colocarei no meu um link para o seu texto, a fim de que os meus leitores venham visitar você. É assim que as coletivas funcionam, está bem? Já coloquei seu blog na lista de participantes. Boa quinta e excelente sexta!

eliana disse...

Frio mesmo!
E realmente...o edredom funcionava tão bem antes...
chato isto.

Bj.
Lilica.

Andréa Motta disse...

Passando para lembrar que,em 16 de maio, sexta-feira, teremos COISAS DO BRASIL! Bom final de semana!

Vivi disse...

Frio? Bota frio nisso.
Eu me sinto um grande boneco de beve toda vez que vou dormir.